ESPECIAIS
 
Uma trajetória marcada pelo profissionalismo
 

À primeira vista, um homem sério, por vezes até rude, mas logo em seguida se via que ali habitava um homem com coração de criança, um brincalhão. Gostava das coisas simples da vida: arroz com feijão e ovo - sem dispensar a farinha é claro-, um pão na chapa com um cafezinho (que nos últimos tempos deixou de lado), de cortar grama, de cuidar dos bichos, de tomar sorvete com os netos, de andar descalço, de ir à praia, família reunida – isso sem dúvidas, era vital para ele, todos reunidos sempre! – e porque não também falar do seu grande amigo Fusca. Tinha orgulho de manter o carro que conquistou ainda zero quilômetro.

Na simplicidade das coisas, é que ele tirava seus ensinamentos. Por ser um homem de muita fé, não deixava de ter suas conversas com Deus e com seus santos de devoção. Acreditava que para tudo na vida sempre havia uma explicação. 

Seus aconselhamentos, mesmo que não concordássemos com ele, era sempre no sentido de nos proteger. Costumava dizer, que quem gostava dele, gostava até debaixo d´água, e assim preservava seus poucos mas grandes amigos, que nunca foram escolhidos por raça, cor, religião ou poder aquisitivo e sim pelo coração e por isso tinha amigos das mais diversas classes sociais.

Com uma vida inteira dedicada ao jornalismo, atuou na grande imprensa do Rio de Janeiro, entre eles, no jornal O Globo, Última Hora, Rádio Globo, Manchete, Jornal dos Esportes, Jornal do Brasil, O Povo, Jornal de Hoje, sempre voltado para o jornalismo policial, até decidir alçar vôos mais altos e com muita audácia fundar o ZM Notícias, inicialmente com tiragem mensal, chegando finalmente a diário, seu maior sonho. Tudo fruto de um trabalho e dedicação que só ele tinha. 

Dizia que sua maior missão era informar e lutar pelos direitos da população carente, principalmente de Nova Iguaçu, cidade escolhida por ele para viver e que o acolheu de braços abertos.

Sua luta diária era sempre em prol das comunidades carentes. Em Austin, bairro que escolheu para viver e ser sepultado, conquistou muitos amigos e o respeito daqueles que acreditavam no poder de suas palavras. 

Conquistou muitas coisas, deixou um legado inigualável. Mas também partiu sem conseguir ver concretizado alguns de seus maiores objetivos: a construção de uma maternidade em Austin e a execução da Lei 709, que prevê a aplicação do Plano de Cargos e Salários dos servidores de Nova Iguaçu.

Agora, o nosso maior objetivo, é transformar seus sonhos em realidade e continuar sua trajetória profissional seguindo os ensinamentos que nos deixou. Descanse em paz!

“A vida é uma estrada longa e a morte é apenas uma interrupção”
Manoel de Almeida .
 

 

Publicidade



 
 
 
 
navegue aqui
colunas
 
Empresa Jornalística Real ZM Notícias Ltda
   
Rua Bahia, 529 - Nova Iguaçu - Cep.: 26282-010
   
FUNDADOR: Manoel Batista de Almeida
   
Diretor Comercial: Marcelo de Souza Almeida
   
Diretora Administrativa: Michelle de Souza Almeida
 
Copyright 2013 ZM Notícias - Todos os direitos reservados